Os gatos são animais muito limpos e que estão constantemente a cuidar da sua higiene e a manter a sua pesagem limpa. Para isso têm como comportamento natural lavar-se com a língua. No entanto com alguma frequência ocorre a formação de bolas de pelo no aparelho digestivo. Na sua maioria das vezes o gato é capaz de expelir o pelo ingerido pelas fezes mas, sobretudo nas mudas da estação (quando existe maior perda de pelo), pode haver o risco da formação de bolas de pelo. Quando as bolas de pelo são de maiores dimensões o gato tem a capacidade de vomitar para as expulsar mas poderão existir alguns riscos como no caso de não as conseguir expulsar as bolas de pelo através do vómito ou mesmo problemas a nível respiratório, como a asfixia. Por outro lado quando eliminados a nível intestinal podem causar desregulação a nível da flora intestinal o que pode originar diarreias ou obstruções intestinais que podem exigir intervenção cirúrgica.

 

Dicas para a prevenção de bolas de pelo:

 

Evitar a ingestão de muito pelo - escove diariamente o seu gato para poder eliminar o pelo morto que inevitavelmente o seu gato iria ingerir

 

Use suplementos de malte - as pastas de malte podem ser utilizadas como prevenção e tratamento das bolas de pelo. Normalmente estas atuam prevenindo a formação de bolas de pelo e ajudam na eliminação dos pelos ingeridos pelas fezes. Já existem no mercado pastas de malte bastante palatáveis.

 

Dê ração específica para bolas de pelo - a ração para bolas de pelo pode ser dada nas alturas de muda de pelo ou se o seu gato se lambe com muita frequência. Também pode ser dada diariamente uma vez que é um alimento completo com todos os nutrientes necessários para a vida do seu gato.

Wemalt

Bolas de Pelo - Tricobenzoares